sexta-feira, fevereiro 17

:)

Hoje importa falar da vida. Hoje, evoco o momento em que fui lançado para ela. E quando penso na vida, penso nos modos de a enriquecer e de a qualificar. É aí que entra a humanidade que é algo que depende em boa medida do que fazemos uns aos outros. É aí que entra a aprendizagem do trato humano, dos seus significantes e significados. A humanização e todas as formas do trato são um processo recíproco em que ao tornarmos a vida boa para nós não deferirá muito de tornarmos boa a vida. Para os outros, para todos, como diria Savater.

O legado que recebi há 41 anos ultrapassa um cenário de sobrevivência. É um projecto que pretende ir mais longe. É um projecto balizado por padrões éticos e estéticos que desejo ver cada vez mais elevados envoltos por uma matriz hedonista…

6 comentários:

Miguel Sousa disse...

oh pá essa coisa de ter te dar os parbén duas vezs é lixado....ainda por cima já te deixei mensagem no télélé

3za disse...

!!!!!snèbaraP
(É para variar...)

Tit disse...

Mais um bjnho de parabéns... É justo, já que me atrasei...
Matilde

Miguel Pinto disse...

Obrigado, a todos! ... e um especial: odagirbO, asereT! :)

Teresa Lopes disse...

Que o dia de ontem tenha sido bem passado e que este ano que entrou seja pleno de coisas boas e alegrias.

IC disse...

Já percebi que não posso fazer os meus fins de semana prolongados sem dar umas saltadinhas rápidas à blogosfera. Ia chegando atrasada ali ao lado para dar os parabéns e agora é que dou conta de que os querias em duplicado - que falta de cabeça a minha, pois não é natural no dia em que se volta a nascer? :)))) Mas recebeste uma prendinha no mail, não sei é se fiquei perdoada ou se provoquei uma valente rabugice pelos quase 2 megas que nem me lembrei de zipar.
Mas fico agora perdoada, pois a visitinha ao Aragem é a única excepção neste dia de fim de semana (a fazer testes, acrescente-se, mas amanhã, domingo, para a escola... nem um segundo!)