sexta-feira, março 10

Vida de gato...

... em casa de professor.


nem o pai morre nem a gente almoça


(Pensamento do Gato: publicidade enganosa, logo vi. Acreditei eu nas notícias e vim para aqui a pensar que os professores não fazem nada e têm todo o tempo do mundo para os gatos... Pois pois... Vê lá se largas a papelada e o PC e me vais dar de comer! )

4 comentários:

AnaCristina disse...

Para que os animais não entrem em stress como esse gato, não há nenhum lá em casa... É que no meio da papelada não sei se acharia o bichano...

Miguel Sousa disse...

tb já tenho papeis lixados por causa desses gajos...

3za disse...

Não tenham muita pena dele... consegue sempre o que quer... o safadinho - Clóvis - começa a atirar canetas para o chão, a andar por cima do teclado, e eu desesperada começo a ralhar e a rir (só visto!) e ele leva sempre a dele avante. Juntem a isto outro gato, uma cadelinha, duas chinchilas... tenho mesmo de me levantar para tratar do Zoo... mas percebo a Cristina... Às vezes o papel é tanto que todos eles correm esse risco de se perder... e papéis lixados... se fossem só papéis... Mesmo assim são imprescindíveis para o equilíbrio da casa(de referir que estes dois gatos foram acolhidos adultos, pois viviam abandonados pela rua e eram tão meigos que passavam o tempo muito feridos das tareias que levavam dos outros... não resisimos... Quando mostrar o Jasmim... percebem melhor ainda...

Teresa Lopes disse...

Impressionante, Miguel! Tenho de te mandar uma foto da minha Milu, que tem 8 meses e que nasceu em minha casa, fruto dos amores do meu Fred e da minha Nina. Olhando para esta foto eu diria que era ela!
Também ela gosta do PC, de preferência no quentinho da ventilação. Contenta-se em dormir numa cadeira ao pé de mim, ou subir-me para o colo.
Cada vez aprecio mais os animais...