segunda-feira, março 13

...

O ruído coarcta a clarividência…

É necessário um esforço suplementar para reencontrar um sentido íntegro para a profissão!
É forçoso manter intacta a dignidade profissional!

(Foto: http://www.nationalgeographic.com/index.html)

3 comentários:

Teresa Lopes disse...

Como te entendo! Eu não expressaria melhor esse teu sentir. E esse esforço, que dá cabo de nós, não é contabilizado nos benefícios que temos (temos?).
O que nos resta?

3za disse...

Sem palavras. É isso exactamente.

Anónimo disse...

Looking for information and found it at this great site... film editing schools