sábado, julho 1

O Capuchinho Vermelho, em versão pós-moderna

Lobo cansado em final de ano lectivo...

S@ber n.º 26 1 Julho 06

Outra vez o Antero Afonso

Era uma vez, um lobo que estava em vias de extinção. Chamavam-lhe “professor” e, apesar de bondoso, as pessoas andavam assustadas com o seu aspecto e com aquilo que sobre ele se dizia.Um dia, o lobo decidiu atravessar a floresta para levar umas recomendações ao seu avô a quem, carinhosamente, chamavam o Senhor Sistema Educativo. Colocou as recomendações numa cestinha ...

continuar aleitura em:
http://www.asa.pt/s_leitura/leitura_download/735449.pdf

6 comentários:

IC disse...

Não costumo ver jogos de futebol, confesso até que ainda não tinha visto nem um minuto de jogo deste mundial, mas hoje... hoje não podia deixar de ligar a TV e... :)))). Para fim de semana perfeito, só falta tornar-se real a história do lobo em vias de extinção mais a capuchinho vermelho, ó Teresa, o lobo não se chama Ricardo? [Sonhos... :(. Mas também não é mau aproveitar o fim de semana para sonhar... ;)]

Quiron disse...

O conto é pós-moderno e a Capuchinho Vermelho também. É uma socióloga pós-moderna para quem a astronomia e a astrologia são apenas dois «discursos», a medicina e as benzeduras apenas dois «saberes», e Os Lusíadas e uma lista de compras apenas dois «textos».

Tit disse...

Já que estamos numa de Capuchinho Vermelho, deixo também
esta
outra versão da história, um excertpo do livro "Histórias Tradicioais Politicamente Correctas", de James Finn Garner (Gradiva). É gargalhada do princípio ao fim :))

Tit disse...

Ah, esqueci-me de dizer - adorei a história 3za :))

"CRESCER... SEM LIMITES..." disse...

História bem planeada! Apetecia-me lê-la às minhas crianças...
Fernanda

Anónimo disse...

That's a great story. Waiting for more. » »